Concurso Ministério da Saúde – Edital publicado!

Concurso Ministério da Saúde

Síntese do edital – Ministério da Saúde

Inscrição: 05/12 a 05/01

Organizadora: IDECAN

Prova objetiva: 19/02/2017

Concurso Ministério da Saúde

A carga horária de todos os cargos será de 40 (quarenta) horas semanais.
A remuneração inicial (vencimento básico e 80 pontos da Gratificação de Desempenho) será:
a) para ADMINISTRADOR e CONTADOR: R$ 4.784,27 (quatro mil, setecentos e oitenta e quatro reais e vinte e sete centavos)
da Carreira de Previdência, Saúde e Trabalho; e
b) para ANALISTA TÉCNICO DE POLÍTICAS SOCIAIS R$ 5.744,88 (cinco mil, setecentos e quarenta e quatro reais e oitenta e
oito centavos) da Carreira de Desenvolvimento de Políticas Sociais.
O auxílio alimentação para todos os cargos até a presente data é de R$ 458,00 (quatrocentos e cinquenta e oito reais).

DAS INSCRIÇÕES:

A taxa de inscrição neste Concurso Público será de: R$ 67,00 (sessenta e sete reais) para todos os cargos.
As inscrições se realizarão somente via INTERNET: de 14h00min do dia 5 de dezembro de 2016 às 23h59min do dia 5 de
janeiro de 2017, no site www.idecan.org.br.
O pedido de isenção da taxa de inscrição deverá ser realizado somente no período entre 5 e 7 de dezembro de 2016, por
meio da solicitação de inscrição no endereço eletrônico do IDECAN (www.idecan.org.br), devendo o candidato, obrigatoriamente,
indicar o seu Número de Identificação Social – NIS, atribuído pelo CadÚnico, bem como declarar-se membro de
família de baixa renda.

DA REALIZAÇÃO DAS PROVAS OBJETIVAS DE MÚLTIPLA ESCOLHA E DISCURSIVAS:

As provas objetivas de múltipla escolha e discursivas serão realizadas nas 27 (vinte e sete) capitais da Federação, com data
inicialmente prevista para o dia 19 de fevereiro de 2017 (domingo), com duração de 4 (quatro) horas para sua realização,
em dois turnos, conforme disposto no quadro a seguir:

Concurso Ministério da Saúde 01

DAS DISPOSIÇÕES ACERCA DA SEGUNDA FASE DA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS:

A avaliação de títulos será somente para os analistas técnico de políticas sociais, com caráter apenas classificatório. Esta
fase valerá até 10 (dez) pontos, ainda que a soma dos valores dos títulos apresentados seja superior a esse valor.
Os títulos, acompanhados do Formulário de Envio de Títulos devidamente preenchido e assinado, deverão ser enviados
(original ou cópia autenticada em cartório), impreterivelmente, via SEDEX ou Carta Registrada com Aviso de Recebimento
– AR, para a sede do IDECAN no SAUS Quadra 5, Bloco K, Edifício OK Office Tower, CEP 70.070-050, Brasília/DF (fazendo
constar no envelope “Avaliação de Títulos – Ministério da Saúde”), em período oportunamente divulgado no Edital de
Convocação para envio de Títulos.
O Formulário de Envio de Títulos será disponibilizado no endereço eletrônico do IDECAN (www.idecan.org.br) juntamente
com edital de convocação para referida fase.
Somente serão avaliados os títulos dos candidatos aprovados nas provas escritas objetivas de múltipla escolha e discursivas.
Não serão consideradas, em nenhuma hipótese, para fins de avaliação, as cópias de documentos que não estejam autenticadas
por Cartório de Notas, bem como documentos gerados por via eletrônica que não estejam acompanhados com o
respectivo mecanismo de autenticação.
O envio de títulos não induz, necessariamente, a atribuição da pontuação pleiteada. Os documentos serão analisados por
Comissão Avaliadora de acordo com as normas estabelecidas neste Edital.

O não envio dos títulos na forma, no prazo e no local estipulado no Edital, importará na atribuição de nota 0 (zero) ao
candidato na fase de avaliação de tí tulos.
Não serão aceitos títulos encaminhados via fax, via correio eletrônico ou por qualquer outro meio não especificado neste
Edital.

DO PROCESSO DE CLASSIFICAÇÃO E CONVOCAÇÃO:

Será classificado o candidato que obtiver aprovação nas provas objetivas de múltipla escolha e provas discursivas.

DOS RESULTADOS E RECURSOS:

Os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas serão divulgados na internet, no site www.idecan.org.br, a partir
das 16h00min do dia subsequente ao da realização das provas (segunda-feira).
O candidato que desejar interpor recursos contra os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas disporá de 2 (dois)
dias úteis, a partir do dia subsequente ao da divulgação (terça-feira), em requerimento próprio disponibilizado no link
correlato ao Concurso Público no site www.idecan.org.br.
A interposição de recursos deverá ser feita via internet, através do Sistema Eletrônico de Interposição de Recursos, com
acesso pelo candidato com o fornecimento de dados referente à inscrição do candidato, apenas no prazo recursal, ao
IDECAN, conforme disposições contidas no site www.idecan.org.br, no link correspondente ao Concurso Público.
Caberá recurso à Banca contra erros materiais ou omissões de cada fase, constituindo as fases: publicação do Edital, inscrição
dos candidatos, processo de isenção da taxa, divulgação do gabarito oficial e divulgação da pontuação provisória
nas provas objeti vas, discursivas e avaliação de títulos, incluído o fator de desempate estabelecido, até 2 (dois) dias úteis
após o dia subsequente da divulgação/publicação oficial das respectivas fases.
Os recursos julgados serão divulgados no site www.idecan.org.br, não sendo possível o conhecimento do resultado via
telefone ou fax, não sendo enviado, individualmente, a qualquer recorrente o teor dessas decisões.

DAS DISPOSIÇÕES FINAIS:

A inexatidão das afirmativas, a não apresentação ou a irregularidade de documentos, ainda que verificadas posteriormente,
eliminará o candidato do Concurso Público, anulando-se todos os atos decorrentes da inscrição, sem prejuízo das
sanções penais aplicáveis à falsidade de declaração, garantido o direito ao contraditório e à ampla defesa.
Compete a Secretaria Executiva do Ministério da Saúde a homologação do resultado final do concurso público.
O resultado final do Concurso Público e a homologação do mesmo serão publicados no Diário Oficial da União e na página
do Concurso Público no site www.idecan.org.br.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO COMUM A TODOS OS CARGOS:


LÍNGUA PORTUGUESA

Compreensão e interpretação de textos; denotação e conotação; fi guras; coesão e coerência; ti pologia textual; signifi –
cação das palavras; emprego das classes de palavras; sintaxe da oração e do período; pontuação; concordância verbal e
nominal; regência verbal e nominal; estudo da crase; semântica e estilística.


RACIOCÍNIO LÓGICO

Princípio da Regressão ou Reversão. Lógica Deduti va, Argumentati va e Quanti tati va. Lógica Matemáti ca Qualitati va. Sequências
Lógicas envolvendo Números, Letras e Figuras. Regra de três simples e compostas. Razões Especiais. Análise
Combinatória e Probabilidade. Progressões Aritméti ca e Geométrica. Conjuntos: as relações de pertinência, inclusão e
igualdade; operações entre conjuntos, união, interseção e diferença. Geometria plana e espacial. Trigonometria. Conjuntos
numéricos. Equações de 1º e 2º graus. Inequações de 1º e 2º graus. Funções de 1º e 2° graus. Geometria analítica.
Matrizes determinantes e sistemas lineares. Polinômios.

CONHECIMENTOS GERAIS

NOÇÕES DE INFORMÁTICA: Conceito de internet e intranet e principais navegadores. Principais aplicati vos comerciais
para edição de textos e planilhas, para correio eletrônico, para apresentações de slides e para geração de material escrito,
visual e sonoro, entre outros. Roti nas de proteção e segurança. Conceitos de organização de arquivos e métodos
de acesso.

SAÚDE PÚBLICA: Leis Orgânicas da Saúde – Lei no 8.080/1990, Lei no 8.142/1990 e Decreto Presidencial nº
7.508, de 28 de junho de 2011. Resolução nº 453/2012 do Conselho Nacional da Saúde. Consti tuição Federal, artigos de
196 a 200.

NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO: Lei no 8.666/1990 e alterações, Lei no 8.112/1991 e alterações; Lei no
8.429/1992: das disposições gerais, dos atos de improbidade administrati va.

ÉTICA: Código de Ética Profi ssional do Serviço Público – Decreto nº 1.171/ 1994

Clique AQUI para acessar o edital completo. 

Que tal gabaritar o português com a professora Flávia Rita Coutinho Sarmento? Direcione os seus estudos com o curso on-line de português completo para o Ministério da Saúde. Com carga horária de 60h/a, o curso fornecerá a você a base necessária, para gabaritar a prova e conquistar a sua classificação. Além disso, por meio da modalidade on-line é possível estudar de acordo com a sua disponibilidade de tempo. Que tal garantir a sua matrícula? É só clicar AQUI

Sucesso!

Equipe Flávia Rita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.