5 métodos para resumo e revisão

Métodos para resumo e revisão

Quem deseja passar em concursos, só tem uma alternativa: estudar. Não adianta esperar pela sorte, ou acreditar nos que dizem que tiraram uma excelente pontuação sem estudar. Do jeito como está a concorrência em concursos, é inconcebível querer passar sem se preparar antes.

Fazer resumos e revisar os assuntos é uma forma eficaz de fixar o conteúdo estudado. Veja abaixo 5 métodos para fazer resumo e revisão! Claro que você usar mais de um método e até mesclá-los!

Resumo pontuado

Esse tipo de resumo é, talvez, o mais popular, usado até por professores em suas aulas através de slides. Trata-se de ler todo o conteúdo, com muita atenção, e registrar em tópicos, um abaixo do outro, os principais pontos.

Para assuntos sobre legislação, ele é muito eficiente, pois consegue sintetizar, de forma organizada, as muitas informações importantes que o candidato precisa aprender. É uma forma dinâmica e eficaz de fazer uma revisão geral de um assunto mais complexo.

Resumo explicativo

Esse resumo consiste em reescrever com suas próprias palavras aquilo que foi lido. Ele tem a vantagem de ajudar a fixar com mais precisão o conteúdo, já que você vai resumir e interpretar ao mesmo tempo. Não se trata de transcrever trechos do texto (como geralmente acontece no resumo pontuado), mas de apresentar sua versão, o que você entendeu do assunto.

Mais uma vez, ressalta-se a importância de ler atentamente todo o assunto antes de fazer o resumo. E é necessário confirmar que você compreendeu realmente tudo. Se ainda permanecer alguma dúvida, registre-a no resumo e procure tirá-la o quanto antes.

Esse resumo é muito útil ao final de cada capítulo ou assunto. Antes de passar para a próxima página, faça seu resumo explicativo e, posteriormente, revise todos os assuntos a partir deles.

Resumo comparativo

Outro modelo de resumo é o comparativo. Esse é aconselhável para assuntos que estão baseados primordialmente na análise de diferenças, semelhanças e funções. Por exemplo, o candidato, para entender melhor o uso dos porquês, pode-se elaborar uma tabela explicativa comparando os 4 tipos (por que, porquê, porque, por quê). Assim, fica mais fácil perceber as diferenças e quando cada um deve ser usado corretamente.

Para as questões de legislação, ele também funciona, ajudando a comparar e diferenciar, por exemplo, alguns elementos e definições (os princípios da Administração Pública; elementos de Direito Constitucional; noções básicas do Direito Penal, e por aí vai).

Resumo estruturado

Os resumos anteriores não precisam seguir necessariamente uma formatação, um paradigma, são menos formais. Caso você queira fazer um resumo bem estruturado, deverá colocar introdução, 2 ou 3 parágrafos abordando o tema e uma conclusão. Esse resumo é muito útil quando se trata de textos históricos, narrativos e quaisquer textos muito extensos, independente do tema.

Você pode fazer um resumo de cada capítulo de um livro e, depois, fazer a revisão em cima deles. Nesse caso, se o livro possui 10 capítulos, você deverá fazer 10 resumos. Se se sentir preparado, pode mesmo fazer um único resumo para todo o livro (que, naturalmente, será maior).

Resumo gráfico

Esse modelo também sintetiza as ideias principais, fazendo associações através de setas e figuras geométricas, como círculos, retângulos, quadrados. Na hora de explicar, por exemplo, relações de hierarquia dentro do direito administrativo, o resumo gráfico ajuda muito, pois se trata de um recurso visual simples que relaciona elementos e funções.

Muito bom para revisões mais urgentes, de última hora.

Se você gostou das dicas e deseja receber mais novidades, assine a nossa newsletter!

One Comment on “5 métodos para resumo e revisão”

  1. O site da Flávia estar muito interativo e bom, com ótimas dicas e ajudando os estudantes. Parabéns..
    (se possível colocasse os exemplos ao lado de cada tópico seria legal) parabéns o site ficou ótimo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.