Estou cansado, mas preciso estudar. O que eu faço?

É difícil chegar a casa e se dedicar aos estudos após um longo dia de trabalho, não é mesmo? O cansaço é uma grande pedra no sapato, principalmente para quem precisa estudar para concurso. Como vencê-lo?

Superar os próprios limites é um exercício diário para quem tem um objetivo. Muitas vezes o desgaste físico desmotiva quem precisa passar em um concurso, mas existem maneiras de evitar que este problema seja maior que as suas metas.

Esse post trará dicas valiosas para você utilizar nos momentos em que o cansaço estiver prestes a predominar! É nessas horas que você pode ganhar novo ânimo e seguir estudando, basta tomar algumas atitudes simples. Confira!

Descanse, é fundamental!

Que tal separar um tempo para descansar, quando chegar a casa? Se você chega às 20h, por exemplo, pode começar a estudar às 21h. Separe um tempo para relaxar, tomar um banho e fazer coisas que você gosta. Enquanto estiver no seu descanso, não pense nos estudos, porque pode gerar muita ansiedade e preocupação.

Ao começar a estudar, concentre-se no que deve ser feito. Lembre-se de que adiar uma tarefa é uma armadilha e o seu cansaço não vai mudar, apenas o tempo vai passar e o conteúdo, acumular.

Não se culpe por estar cansado! São suas necessidades físicas. Renove suas energias e esteja pronto para começar uma nova sessão de estudos!

Mude o ambiente de estudos

Você estuda ao lado da sua cama? É uma enorme tentação! Afinal, quando você está cansado, uma das melhores coisas é dormir. Que tal mudar de lugar? Estude na sala, na biblioteca ou em qualquer outro local. Desta forma, você poderá focar no seu objetivo.

Além disso, quando estiver estudando, não perca tempo com redes sociais ou aplicativos. Saiba valorizar o seu tempo. Ele é um recurso escasso e não pode ser desperdiçado.

Comece devagar, mas comece!

Já pensou em aplicar a regra dos 20 minutos na sua rotina de estudo? Por exemplo, comece estudando 20 minutos, no mínimo, e depois vá aumentando aos poucos.

Outra dica é aumentar o fluxo de estudos. Por exemplo: comece lendo 20 páginas, depois 30, e assim por diante. O objetivo é focar na execução da atividade e valorizar o primeiro passo. Lembre-se de sempre acompanhar o seu rendimento.

Pense na sua motivação ao estudar para concurso

Seu objetivo precisa estar muito claro, pois ele norteia todas as suas ações. Sempre que estiver cansado, lembre-se do propósito dos seus estudos.

Passar em um concurso é um grande objetivo. Ter em mente o motivo pelo qual você está se esforçando deve ser o seu maior combustível para superar o cansaço e outros obstáculos.

Recompense seus esforços

Que tal se desafiar? Este pode ser um ótimo método para se manter ativo e dar aquele gás para estudar. Recompensar-se é fundamental para atingir determinados objetivos. 

Você está precisando daquela última hora de estudos para revisar alguma matéria? Faça um contrato consigo mesmo: se conseguir estudar por mais uma hora, premie-se com alguma coisa que você gosta muito.

Seu “prêmio” pode ser uma hora de videogame, algo que você goste de comer ou qualquer outra coisa que se encaixe no status de recompensa. 

Estimule a liberação de dopamina

A dopamina é um neurotransmissor que, ao ser liberado pelo cérebro, deixa-nos mais dispostos, além de ajudar na memorização. Interessante, não? Já parou para pensar que ela pode ser uma forte aliada durante os momentos de fadiga? 

Para manter-se motivado, é importante que você busque estimular a liberação de dopamina em seu organismo. Uma das formas mais simples é escutar música. Quando faltar aquela vontade de estudar, prepare um playlist rápida, de no máximo cinco músicas, e escute.

Certamente, ao ouvir suas canções preferidas, você vai se sentir mais animado e disposto. Dessa forma, poderá retomar os seus estudos com força total e pronto para mais algumas horas de dedicação.

Cuide de sua saúde física e mental

Como é a sua rotina? A sua agenda é cheia? Independentemente de tudo, você precisa de equilíbrio. Separe um tempo para relaxar e fazer o que gosta. Assista aos jogos do seu time, jogue videogame ou pratique qualquer outro hobby.

Também é importante ter uma alimentação saudável, para evitar a fadiga mental. Por isso, manter os níveis de vitaminas do complexo B e magnésio é essencial.

Você sabia que o magnésio atua nas células musculares e nos impulsos nervosos do cérebro? Por isso, inclua na sua dieta alimentos como aveia, banana, ervilha, brócolis e ovo.

Manere no consumo de doces e café! Eles podem ser alimentos energéticos, mas precisam ser consumidos com muito cuidado. O excesso pode interferir negativamente nos seus níveis de glicose e colesterol.

Faça atividades físicas 

Muitas vezes nos confundimos quanto ao nosso cansaço. É comum acharmos que a fadiga é física, quando, na verdade, é mental. Isso é muito comum e pode acontecer depois de um longo dia de trabalho ou de estudos.

Uma ótima maneira de recuperar sua disposição para estudar é fazer exercícios físicos. Eles manterão sua cabeça ativa e fresca! 

Lembre-se de pegar leve e respeitar seus limites. Uma corrida de 10 minutos, uma caminhada de meia hora ou algumas flexões e abdominais são opções ideais. Escolha a que mais te agrada!

Coma algo se sentir fome

Sua dedicação e esforços devem chegar aos mais altos níveis para que você possa alcançar o objetivo de passar no concurso. Entretanto, ninguém consegue raciocinar de barriga vazia. Portanto, procure estar bem alimentado!

Se a fome apertar, pare tudo imediatamente e alimente-se! Além de se manter em condições de seguir nos seus estudos, a sua saúde deve sempre estar em primeiro plano.

Faça um lanche bem variado: frutas, pães, biscoitos saudáveis e um café ou suco. Dependendo da hora, não abra mão das refeições principais como café da manhã, almoço e jantar.

Planeje seus estudos

Ter organização é fundamental para que você se preocupe apenas com o conteúdo. Precisar lembrar qual matéria tem de estudar, por quanto tempo e em qual dia da semana, pode desgastar muito sua mente.

Por isso, é importante montar um cronograma de estudos. Faça isso aos finais de semana, pensando em todos os seus horários para os próximos dias.

Organize todas as disciplinas e as distribua nos dias do cronograma, considerando também quanto tempo se dedicará a cada uma delas. Esta organização te renderá mais tempo de estudo.

Prepare o ambiente para que ele esteja adequado

Passar horas sentado a frente dos livros realmente não é uma das tarefas mais prazerosas e pode, sim, gerar muito cansaço. Por isso, você deve sempre atentar-se ao ambiente de estudos.

Prepare tudo antes de começar a sua sessão de estudos, especialmente se você já tiver enfrentado um longo dia de trabalho. A iluminação precisa estar perfeita para você não forçar sua visão. A cadeira deve ser a mais confortável para manter sua postura.

Tudo deve estar em seu devido lugar para que haja um ambiente confortável, tranquilo e o mais adequado possível, onde você possa se concentrar nos estudos sem maiores preocupações ou incômodos.

Alterne as disciplinas

Nunca é uma boa ideia estudar a mesma disciplina ou assunto por horas seguidas. Depois de um certo tempo, sua capacidade de assimilação e absorção ficará prejudicada e você poderá confundir tudo.

É interessante que você alterne as disciplinas para que sua mente consiga dar uma “arejada”. Uma sugestão é trocar de matéria a cada uma ou duas horas de estudo.

Estar em contato com outro assunto pode te ajudar a superar o desgaste mental, especialmente se essa mudança for para uma disciplina com a qual você tem mais facilidade ou se identifica.

Uma boa dica é deixar essas matérias sempre para o final, já que será o momento em que você estará menos disposto, precisando de algum tipo de estímulo para seguir em frente.

Faça pequenas pausas para descansar a mente

Já falamos da importância de descansar antes de começar os estudos, especialmente depois de um dia estressante de trabalho. Entretanto, você também vai ter de fazer pausas durante o período de estudos.

Não se force a estudar por horas sem fazer um intervalo de, pelo menos, 10 minutos para descansar a mente. Essa pausa pode ser essencial para você retornar à sessão de estudos mais concentrado e disposto.

Teste seu desempenho para ver como pode planejar seus intervalos. Algumas pessoas conseguem manter-se focadas por apenas uma hora. Se esse for seu caso, procure encaixar uma pausa a cada hora de estudo.

Durante o intervalo, caminhe pela casa, beba água, respire fundo, enfim, o importante é espairecer e relaxar a mente, esquecendo-se dos estudos nesse momento.

Estude em grupo, mas com responsabilidade

Um grupo de estudos pode ser uma boa opção para que as atividades fiquem menos cansativas. Cada integrante pode abordar um tema e explicá-lo, criando uma discussão.

Tenha em mente que o foco deve prevalecer. Deixe as brincadeiras para outro momento!

Fazer isso, pelo menos uma vez na semana, é um meio excelente de ter um dia de estudos mais tranquilo e, além disso, trocar informações. Dessa forma, todos do grupo saem ganhando.

Seguir estas dicas certamente vai te ajudar a continuar firme em prol do seu objetivo maior. Estudar para concurso exige disciplina, motivação e gestão de tempo.

Gostou do nosso conteúdo? Então, siga-nos nas redes sociais e fique por dentro das nossas dicas para estudar para concurso e muito mais!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.