Como escolher o melhor curso preparatório para concurso?

Começar uma carreira pública é muito promissor. Afinal, estabilidade financeira e valorização profissional são os principais atrativos que o cargo público oferece e é essa qualidade de vida que todo concurseiro deseja alcançar, não é mesmo?

Se você quer pleitear por uma vaga na carreira pública deve estar preparado para o desafio. Você precisa desenvolver estratégias para estudar da maneira mais eficiente possível, e um curso preparatório para concurso vai te oferecer as ferramentas necessárias te aproximar da tão sonhada aprovação.

Um curso preparatório para concurso oferece uma dinâmica maior do que estudar sozinho, modificando muito o planejamento de seus estudos — basta saber escolher. Ele precisa te oferecer conteúdos relevantes e também auxiliar na organização de uma rotina de estudos, pois a otimização do tempo é um fator essencial para alcançar os resultados esperados.

São muitas ofertas de curso preparatório que existem no mercado, mas é preciso ser criterioso na hora de contratar este tipo de serviço. Continue a leitura e veja as dicas que separamos para te ajudar a escolher um curso preparatório para concurso que seja compatível com você. Vamos nessa?

Escolha o concurso certo

Tenha em mente qual concurso você quer prestar antes de pensar no curso preparatório. No caso de ser seu primeiro concurso é comum surgir muitas dúvidas. Por isso uma boa pesquisa é fundamental para tomar decisões que estejam adequadas aos seus objetivos.

São diversas oportunidades previstas para a carreira pública, mas tentar prestar todos os concursos que aparecem não é uma boa ideia. Antes de escolher qual concurso pleitear — pense nos seguintes pontos:

  • a profissão que pretende seguir;
  • o cargo compatível com seu perfil;
  • a remuneração (ela não pode determinar tudo);
  • o que fará após a contratação.

Vários editais estão abertos para concursos 2018. São diversas vagas para Polícia Federal, Justiça do Trabalho e muito mais, e o ideal é que você busque pelo cargo que mais se identifica. Não deixe de levar em consideração a formação profissional exigida.

Leia atentamente todo o edital do concurso escolhido. Caso ele ainda não esteja disponível, procure por um similar de uma prova anterior e dê muita atenção a todos os detalhes, pois é lá que você encontrará este tipo de informações:

  • tipos e números de vaga;
  • escolaridade exigida;
  • atribuições do cargo;
  • carga horária de trabalho;
  • local de trabalho;
  • remuneração do cargo;
  • conteúdo cobrado no dia da prova.

Avalie bem todos esses pontos, afinal, a aprovação no cargo público trará mudanças significativas na sua vida. Portanto, não tome decisões precipitadas. Analisar cada detalhe faz a diferença para encontrar o concurso que seja a sua cara.

Entenda o que é um curso preparatório para concurso

Também conhecido como cursinho, o curso preparatório para concurso está entre o meio mais comum de se preparar para a realização da prova para um determinado concurso.

Esse tipo de curso é um grande aliado para aprender as matérias, tirar dúvidas e organizar um plano de estudo. Ou seja, existe uma equipe por trás do curso preparatório que organiza todo o material de acordo com o que cada concurso cobra. Essa equipe cuida de oferecer as ferramentas necessárias para tornar todo o processo mais eficiente.

Porém, participar de um curso preparatório para concursos não significa simplesmente ir e assistir as aulas. Existem outros fatores que também devem ser levados em consideração como parte do curso:

  • transporte;
  • metodologia de ensino;
  • custo com material e mensalidade.

Verifique também se existem recursos adicionais e se já estão incluídos na mensalidade. É importante que você saiba todos os valores que o curso cobra — para não ter surpresas e pagar por algo que não vai utilizar.

Entenda o que é um coaching preparatório para concurso

O coaching para concurso é um método de ensino aplicado pelo profissional — coach ou técnico, em tradução livre do inglês — que realiza o treinamento com o concurseiro. O coach busca proporcionar maior eficiência nos estudos. Ele pode ser utilizado antes, durante ou depois do contato do aluno com o curso preparatório.

Para o autoconhecimento e orientação personalizada o coaching é muito indicado — e saiba que o curso preparatório e coaching para concurso não são excludentes. Esse recurso pode, até mesmo, te auxiliar na escolha do curso preparatório apropriado para você.

O profissional ensina técnicas que ajudam na memorização, concentração e foco. Ele também orienta sobre os melhores caminhos a tomar para que você tenha um bom desempenho na hora da prova. O método visa a harmonização de todos os aspectos da vida sua vida — principalmente o seu bem-estar. Dessa maneira você evita confusões e desorganização na hora de estudar.

Conheça os tipos de cursos preparatórios que existem

São inúmeros os candidatos que precisam estudar, mas cada com tem sua própria rotina de vida. Por isso, nem sempre é possível que cada um dedique grande parte do dia para um curso preparatório. Dessa forma, as instituições precisam flexibilizar a metodologia de ensino para que atenda às diferentes demandas.

A oferta de curso preparatório para concurso é grande. Existem cursos que oferecem aulas presenciais, online ou à distância.

Saiba a diferença entre os tipos de cursos oferecidos no mercado.

Curso preparatório presencial

É o método tradicional. Com professor a frente da sala de aula, caneta e apostilas em mãos. As aulas são divididas em turnos. O aluno se matricula no local e horário de sua preferência.

As principais vantagens:

  • local e horário previamente definidos;
  • ambiente inteiramente voltado para o aprendizado;
  • contato direto com os professores.

As principais desvantagens:

  • necessidade de deslocamento;
  • gastos com alimentação e transporte;
  • pouca flexibilidade de horário.

Curso preparatório à distância

Também conhecido como telepresencial, essa modalidade é similar ao curso presencial. Os alunos também se reúnem em uma sala de aula, porém não contam com a presença física de um professor.

A única diferença entre o curso presencial e à distância é que o professor não está no mesmo ambiente que os alunos. As aulas são ministradas de outro local. O contato se dá através de chat ou áudio.

As principais vantagens e desvantagens do curso presencial e à distância são mesmas. Apenas com a diferença que o contato direto com o professor pode ficar comprometido — caso os aparelhos transmissores das aulas falhem.

Curso Preparatório Online

É o método que mais cresce nos dias atuais. O conteúdo fica disponível em uma plataforma acessível pela internet. O aluno pode acessar o material através do uso de login e senha pessoal.

As principais vantagens:

  • acesso a qualquer momento de qualquer local;
  • basta ter um dispositivo conectado à internet;
  • autonomia para a criação de seu próprio cronograma de estudo.

As principais desvantagens:

  • ausência de um local estruturado para o estudo;
  • maior possibilidade de distração;
  • chances de haver quedas do sistema operante.

Curso preparatório por videoaula

Metodologia de ensino que pode ter parte de seu conteúdo disponível gratuitamente, as videoaulas são gravadas por professores e especialistas, recebem tratamento de edição e são ficam hospedados em alguma plataforma de reprodução de vídeo.

O conteúdo completo dos materiais é disponibilizado para alunos matriculados ou cadastrados na instituição de ensino. As principais vantagens e desvantagens são as mesmas das aulas online.

Identifique suas necessidades

Agora que você já sabe quais tipos de curso preparatório para concurso existem, talvez esteja se perguntando o que deve levar em consideração para escolher o tipo de preparatório que seja a sua cara. E a nossa primeira dica é: identifique seu perfil de estudo. Saber quais são suas características de aprendizagem é fundamental para você saber como estudar.

Você pode ter mais facilidade em absorver os conteúdos quando eles são apresentados de forma mais dinâmica e interativa. Nesse caso, você sairá com cursos preparatórios multimídias e online.

Pode ser que você precise de silêncio e concentração e, sendo assim, as aulas presenciais e o uso de bibliotecas, por exemplo, serão ótimas aliadas em seu processo de aprendizagem.

A melhor opção vai depender do tempo que você tem disponível para estudar, quais matérias você acredita que precisam ser reforçadas e, claro, do seu orçamento.

Busque referências

Antes de contratar um curso preparatório, analise a qualidade do serviço e da infraestrutura oferecida. Ter um nome não é suficiente para certificar qualidade de uma instituição e não podemos confiar apenas nas propagandas divulgadas pelos cursos.

Por isso, separamos alguns aspectos importantes que um bom curso preparatório para concurso precisa ter.

CNPJ e referências da instituição

Muitas vezes, o curso que te oferecem não é reconhecido formalmente pelos órgãos competentes, não tem endereço de sede fixo ou possui muitas reclamações no Procon e órgãos similares. Obviamente que esse não é um lugar confiável. Afinal, ele precisa ser reconhecido, regularizado e ter boas referências de outros usuários.

Profissionais envolvidos

Depois de constatada a seriedade da instituição, busque informações sobre a capacitação profissional dos professores envolvidos no processo educacional daquele curso. É importante que eles tenham formação na área e experiência com a disciplina que oferece. Procure saber também qual é a dinâmica e metodologia proposta por eles.

Material oferecido

É importante saber qual vai ser o material trabalhado. Verifique se ele está atualizado e condizente com o que é cobrado pelo concurso, pois por meio dele que obterá o suporte necessário durante o curso. É também a principal ferramenta que pode aumentar suas chances de aprovação. Por isso a análise do material didático deve ser criteriosa.

O curso preparatório sério e comprometido com o aprendizado de seus alunos deve fornecer essas informações de forma transparente para o público. Não deixe de procurar também, se possível, referências com os ex-alunos da instituição.

Não pense que ir atrás dessas informações é perder seu tempo, pois esse é um dos principais aspectos que precisam ser levados em consideração. Afinal, é seu tempo e dinheiro que estão em jogo.

Foque no que precisa estudar

No curso preparatório para concurso, os professores organizam todo o conteúdo que você precisa estudar até o dia da prova, mas é importante saber que todos os concursos possuem seu próprio conteúdo programático. Procure se informar sobre as disciplinas comuns em todas as provas e sobre os temas cobrados para sua área profissional.

Algumas matérias estão entre as disciplinas em comum para diversos cargos. Vamos falar um pouco sobre as principais que são cobradas.

Português

Matéria unanimemente cobrada nos concursos, ela deve constar em qualquer plano de estudos. Gramática, interpretação de texto, pontuação e redação devem fazer parte do beabá de todos os concurseiros e a leitura é imprescindível para melhorar essas habilidades

Matemática

Pesadelo de muitos estudantes, mas que certamente aparecerá na maioria das provas desejadas. O conhecimento dessa matéria é cobrado em diversos concursos e é muito importante aprimorar o que você aprendeu na educação básica. Regra de três, equação, estatística e geometria são os principais assuntos relacionados à disciplina e que precisam ser dominados.

Raciocínio lógico

Essa disciplina é ampla e, muitas vezes, aparece nas provas junto à matemática. Contudo, de maneira geral, não é todo o seu conteúdo que cai nas provas. Normalmente são cobrados apenas o raciocínio lógico quantitativo e a lógica de argumento. É importante que você conheça sobre os principais pontos dessa área do conhecimento para não se confundir na hora da prova.

Informática

Ela faz parte do nosso cotidiano, mas saber a teoria por trás da informática nem sempre é fácil. A matéria possui muitas particularidades e é importante ter um conhecimento mínimo sobre alguns quesitos, como sistemas operacionais, hardware e software — ficar por dentro das novidades a cerca do tema também é uma boa pedida.

Tenha uma base de conhecimento das disciplinas básicas — aquelas que você já teve contato em algum momento da vida. Relembrar e aprimorar esses conteúdos vai te proporcionar mais tempo para de dedicar às específicas, que precisam de mais cuidado e atenção.

É importante destacar aqui que o nível de cobrança para cada matéria é diferente para a escolaridade exigida. Provas de ensino fundamental, médio e superior cobram pontos diferentes da mesma disciplina. Por isso, fique por dentro de quais áreas cairão dentro da mesma matéria. Caso contrário, você pode perder tempo estudando aquilo que não é exigido em sua avaliação.

Seja paciente

Para estudar não existe nenhuma fórmula milagrosa que funcione sem o seu esforço. É preciso ter disciplina, planejamento e organização para alcançar resultados positivos, garantindo que todo esforço seja capaz de ser compensado durante a hora da avaliação.

Dependendo do cargo almejado, o tempo médio de estudo até a aprovação pode levar de seis meses a três anos. Esse período também deve considerar a abertura do edital, dificuldade do cargo e a dedicação do candidato.

Para aproveitar o curso preparatório de concurso ao máximo ou, até mesmo, estudar sozinho, considere:

  • estudar diariamente;
  • fazer simulados uma vez por semana;
  • manter uma rotina intercalando as matérias.

Assim, mesmo fazendo um curso preparatório para concurso, você precisa ser paciente para alcançar a tão sonhada aprovação. Esse recurso certamente o ajudará, mas não é capaz de garantir a sua boa colocação. Sonhar em seguir uma carreira pública e usufruir de todos os benefícios que ela oferece, pode te fazer confundir as coisas.

A exigência de cada concurso varia, bem como seu nível de dificuldade. Portanto, é preciso ter consciência sobre o seu perfil de estudo, suas limitações e interesses.

Podemos destacar que o curso o ajudará se você:

  • escolher um curso confiável;
  • aplicar corretamente sua metodologia;
  • tiver interesse de aprender;
  • ter disciplina.

É importante criar o hábito de estudo dentro da sua realidade de vida. Você não pode deixar a ansiedade atrapalhar seu desempenho. Ter consciência de seus limites vai ter ajudar a não querer alcançar os resultados a qualquer custo. Você não pode exaurir sua mente.

Tenha tempo para você

Fazer dos estudos sua tarefa diária não significa que é a única coisa que você precisa fazer. Existem outros aspectos da vida que merecem cuidados: saúde, alimentação e lazer são alguns dos que não podem ser negligenciados pelo estudante — e, claro, não se esqueça que a mente precisa descansar e ter distrações também.

Por isso, a meditação é uma grande aliada no processo de aprendizagem. Através dela você pode aliviar as tensões causadas pela rotina de estudo, contribuindo para a manutenção do equilíbrio do corpo e da mente. Se você passar muito tempo na frente dos livros, precisa para um pouco para relaxar. Isto colabora até mesmo para memorização dos conteúdos.

Organize sua rotina para não pesar

É preciso dividir o dia para que todos os instantes sejam aproveitados da melhor maneira possível. Desenvolvemos um calendário guia com algumas dicas para que você possa otimizar a sua rotina:

  • anote todos os seus compromissos da semana;
  • determine um horário para cada tarefa;
  • separe um tempo somente para as aulas (sendo presencial ou online);
  • estabeleça horários de estudo fora do horário de aula;
  • deixe algum dia do fim de semana para fazer simulados.

Estando ou não em um curso preparatório, ter um cronograma bem estabelecido vai ter ajudar a tirar o máximo de proveito do seu dia. Tente dedicar pelo menos quatro horas diárias aos estudos.

Em contrapartida, você não pode comprometer a sua rotina inteira para isso e deixar com que outros aspectos importantes se percam no seu ritmo de alto desempenho. Garanta também que haja um horário para atividades de lazer. Sugerimos que você reserve estes períodos para isso:

  • uma hora pela manhã, antes de iniciar suas primeiras tarefas do dia;
  • uma hora antes ou depois do almoço;
  • uma hora no final da tarde;
  • uma hora antes de dormir.

Nos primeiros dias pode haver dificuldades de adaptação. O desânimo pode aparecer e te desmotivar, mas não se deixe levar por esses contratempos. Intercale os estudos com outras tarefas que você gosta de fazer. Isso fará com que seu cérebro não canse e você não se sinta entediado por exercer uma atividade só.

Coloque em prática a dicas sobre meditação e meios para relaxar que citamos para evitar que haja uma sobrecarga nociva a sua saúde.

Alcance os resultados

Se você decidiu fazer o curso preparatório para concurso, então, mãos à obra. Porém, mesmo que você ainda não tinha tomado essa decisão, a leitura das dicas que virão a seguir também podem ser interessantes para você.

Com a sua rotina de estudo estabelecida, é preciso levar compromisso a sério. Pense que você vai competir uma maratona esportiva: para a competição (dia da prova) você precisa estar mais preparado que seus concorrentes e chegar à frente. Por isso, veja os estudos como um treinamento diário.

Se o atleta quer chegar preparado para a competição, ele não pode deixar de treinar mesmo diante das divergências que aparecerem no seu caminho. Ele sabe que diminuir o seu ritmo vai aumentar as chances de ser ultrapassado por outro competidor mais bem preparado.

No pleito por uma vaga na carreira pública você deve pensar exatamente assim. O estudo é seu treino diário e a prova é o dia da competição e você só conseguirá vencer a maratona se tiver preparado para isso. Então, se a mudança em sua rotina causar algum desconforto no primeiro dia, pense que superar esse obstáculo faz parte do processo.

Com o passar dos dias — mantendo o contato com os estudos diariamente — a sua relação com o estudo vai mudar. Você precisa tomar gosto pelo que está aprendendo, pois é dessa forma que o aprendizado acontecerá mais tranquilamente, com atenção e amor à atividade.

Você vai começar sentir os resultados quando:

  • sentir vontade de aprender cada vez mais;
  • sair bem nas provas e simulados;
  • ter uma carga grande de conhecimento ao ponto de conseguir compartilhá-lo.

Assim, os resultados só serão alcançados através de muito esforço. Acredite no seu potencial se colocar na lista dos aprovados, pois vai ser nesse momento que você vai alcançar o ápice de todo seu esforço e trabalho.

Então, tenha em mente que o curso preparatório para concursos é um grande aliado para obter essa vitória, mas que a peça fundamental no processo de aprendizagem é você. O importante é saber tomar a decisão certa para começar a estudar.

O que você achou dessas dicas de como escolher o melhor curso preparatório para concurso? Gostou? Aproveite a visita para assinar a nossa newsletter. Você vai receber muitas novidades sobre o assunto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.